Seja bem-vindo ao Portal do Autor!

Por meio dele, você pode inscrever seu manuscrito para análise com vistas à publicação pela Casa Publicadora Brasileira (CPB). Ao cadastrar seu login e senha, você pode não só inscrever seu manuscrito como também acompanhar o processo de avaliação e também receber notificações via e-mail.

Nosso objetivo com o Portal e o processo de inscrição informatizado é divulgar, dar mais transparência e facilitar o acesso a todos os que desejarem apresentar seus projetos editoriais à CPB, a partir de qualquer lugar do mundo e em diversas línguas.

Como funciona

Todos os manuscritos enviados para a CPB são avaliados pelos editores e discutidos em reuniões. A decisão final sobre a publicação é feita por meio de voto individual dos membros da Comissão Editorial. Ela é composta por editores da CPB e membros de diversas instâncias e instituições da Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul. A Comissão Editorial se reúne uma vez por semestre, em torno de maio/junho e outubro/novembro.

Atenção

Antes de inscrever sua obra para análise, convidamos você a ler com atenção as instruções oferecidas aqui. Como editora, ansiamos por receber propostas de publicação em harmonia com a teologia bíblica e com os melhores conhecimentos à disposição, nos vários campos do saber. Também esperamos que sejam instigantes, objetivas, bem escritas e que ofereçam uma contribuição significativa para os leitores, sob uma cosmovisão adventista do sétimo dia.

Quem somos

A Casa Publicadora Brasileira é uma das mais de 60 editoras da Igreja Adventista do Sétimo Dia espalhadas pelo mundo. Fundada em 1900, na cidade do Rio de Janeiro, está sediada desde 1985 em Tatuí, São Paulo. Reúne em um só lugar profissionais dos ramos administrativo, editorial, teológico, pedagógico, fotográfico, artístico, gráfico, publicitário, contábil, digital, de televendas, recursos humanos, logístico e de tecnologia, entre outros. Também conta com 20 livrarias em todo o país. Produz e desenvolve livros, revistas, CDs, DVDs, e-books, vídeos, sites, aplicativos, jogos e brinquedos. Além dos livros destinados ao público em geral, tem um catálogo completo de livros didáticos, desde a alfabetização ao Ensino Médio. A CPB é dirigida por um corpo administrativo eleito periodicamente e integrado à Divisão Sul-Americana da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Sua razão de ser é trabalhar pelo cumprimento da missão da igreja ao mesmo tempo em que busca contribuir para o bem-estar geral na sociedade.

Leia antes de enviar sua obra

Disponibilizamos aqui o guia para publicações, leia abaixo as instruções:

Guia para publicações

Informações básicas

A seguir, confira os primeiros passos para inscrever seu manuscrito, observando as seguintes recomendações:

  • Abra sua conta no Portal do Autor. Toda a comunicação será feita por meio dessa plataforma.
  • Preencha todo o formulário solicitado no Portal.
  • Envie o arquivo em Word de seu manuscrito desde que ele esteja completo, da introdução à conclusão, com exceção dos devocionais (ver detalhes abaixo). Quanto à proteção de seu manuscrito e de seus dados pessoais, confira mais adiante nossa política de privacidade.
  • Não envie nenhum material impresso à editora.
  • Não envie material datilografado nem escrito à mão, mesmo que impresso ou digitalizado. Aceitam-se apenas manuscritos cujo texto tenha sido digitado.
  • Confira no catálogo e no site da CPB se já existe um livro semelhante ao que você pretende enviar.
  • Aceitamos manuscritos em português, inglês, espanhol, francês e alemão. Quanto às demais línguas, deverão ser traduzidas, em ordem de preferência, para o português, o inglês ou o espanhol.
  • Não envie por este canal materiais didáticos nem paradidáticos (livros de apoio escolar lidos geralmente fora da sala de aula). Os materiais didáticos (livros-texto usados em sala de aula) dependem da abertura de editais. Quanto aos paradidáticos, os manuscritos devem ser enviados por e-mail. Para obter mais informações ou inscrever seu manuscrito de paradidático ou didático, quando possível, envie um e-mail para: educacional@cpb.com.br. Após a inscrição, seu manuscrito seguirá para análise e votação em uma Comissão Editorial específica. No processo de inscrição do manuscrito o próprio Portal indica esse encaminhamento.

O manuscrito

Manuscrito é a versão original do texto de um livro que se pretende editar e publicar. Recomendam-se os seguintes cuidados:

  • Use notas de fim de capítulo. Evite notas de rodapé.
  • A CPB adota o Manual de Chicago ou Turabian para a notação das referências bibliográficas. Exemplos:
    • Yuval Noah Hariri, “O mito da liberdade”, Veja, 2 de janeiro de 2019.
    • Shay Meinecke, “Will extreme weather become even deadlier?”, Deutsche Welle, 12 de julho de 2018, disponível em: <https://www.dw.com/en/will-extreme-weather-become-even-deadlier/a-44651459>, acesso em: 6 de janeiro de 2018.
    • Ellen G. White, Eventos Finais (Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2016), p. 11.
    • Odete G. Lima, Primeiro o Reino de Deus (Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2007), p. 29.
  • Com a exceção de livros teológicos ou mais acadêmicos, não é necessário preparar uma lista de referências ou bibliografia ao fim do manuscrito.
  • Dê a referência completa das fontes utilizadas. Manuscritos com falha na indicação de fontes tendem a ser rejeitados.
  • Quanto à formatação, recomenda-se a fonte Arial 12, com um espaço entrelinhas de 1,5.
  • Configuração: A4. Margens superior e esquerda, 3 cm; direita e inferior, 2 cm.
  • Maiúsculas: Observe o padrão utilizado na CPB para os pronomes da Divindade. Exemplos: Eu, Tu, Ele, Nós, Vós, Eles, Dele, Deles, Aquele, Aqueles, Àquele, Àqueles, Daquele, Daqueles, Meu, Teu, Seu, Sua, Lhe, Te, Ti, Se, O, Os, Lo, Los, No, Comigo, Contigo. Evitar os pronomes demonstrativos Este, Esse, o Mesmo, o Próprio e o Tal em relação a Deus.
  • Versão bíblica: Em livros para adultos, a versão-padrão utilizada é a Almeida Revista e Atualizada, 2ª edição. Outras versões podem ser utilizadas como apoio e desde que indicadas entre parênteses com siglas (ex.: ARC, ACF, NVI, NTLH).
  • Transliterações: Utilize-as coerentemente, com um só padrão ao longo de todo o material, seja ele o geral (sem sinais de apoio) ou o acadêmico (com todos os sinais).
  • Imagens e ilustrações: Devem ser inseridas dentro do arquivo, na posição exata, com a legenda, se necessário.

Devocionais

Atualmente a CPB prepara cinco devocionais voltados para diversos públicos: Devocional para Crianças (0 a 6 anos), Devocional Teen (7 a 13 anos), Meditação Jovem (a partir de 14 anos), Meditação da Mulher e Meditações Diárias. A escolha dos nomes dos autores para os devocionais é feita por parte da editora, em parceria com a Divisão Sul-Americana. Porém, são bem-vindos projetos, que podem ser avaliados e recomendados para publicação. Nesse caso particular, avaliamos uma amostra de 30 textos, que pode ser inscrita no processo normal de avaliação.

Quanto à Meditação da Mulher, você, mulher, que sentir o desejo de escrever o devocional de um dia avulso ou mais, pode fazê-lo e enviar para livros@cpb.com.br. Por favor, observe os limites de espaço do texto, limitado a 2.200 caracteres com espaço por página, contando o título e o texto bíblico. Envie juntamente uma pequena biografia conforme o padrão que você pode verificar no fim de qualquer exemplar da Meditação da Mulher. Como se trata de um projeto especial, a publicação dos textos individuais ocorre por meio de uma cessão gratuita de uso desse texto.

Quanto a todos os devocionais, é fundamental observar as seguintes características básicas:

  • Devocional é um conjunto anual de mensagens diárias baseadas em um texto bíblico.
  • Qualquer devocional é uma reflexão sobre a Bíblia para o dia de quem lê, não importando o público ou a idade. Assim, a base do texto deve ser o verso bíblico do dia, buscando explicá-lo, extrair lições dele, ilustrando-o com histórias e testemunhos conforme a necessidade, como em um pequeno sermão. Logicamente, dependendo do público e a proposta adotada, é possível que se dê mais espaço à ilustração ou à aplicação, por exemplo, mas em qualquer caso o ensino bíblico é essencial.
  • Embora as ilustrações e outros recursos tenham sua importância, eles não são o principal, nem devem orientar o texto. A Bíblia é o principal elemento e referência para o texto, é o alimento e a água espiritual para o dia.
  • É importante que o texto seja organizado. O padrão mais comum é: introdução, análise do texto do dia, aplicação e apelo. Essa sequência pode variar e ser aplicada de acordo com o estilo de cada autor. É fundamental que haja uma aplicação do texto bíblico para os nossos dias e que se convide o leitor a tomar uma decisão a respeito disso.
  • O texto bíblico precisa ser ajustado ao tema em questão, e a aplicação deve resgatar o texto bíblico, de forma que o tema e o texto bíblico estejam entrelaçados.
  • O tema desenvolvido no dia precisa ser interessante, curioso, impactante, atrativo e inspirador.
  • A reflexão não deve se restringir aos aspectos éticos e morais da fé, mas ressaltar a graça de Deus e as ações humanas como fruto da ação divina. Por outro lado, espera-se também que se apresente uma fé atuante e frutífera.
  • Embora os aspectos intelectuais, filosóficos e teológicos sejam importantes, o objetivo principal da meditação não é apenas informar, mas motivar e inspirar o leitor.
  • Tenha sempre em vista o público-alvo, tanto em termos de linguagem quanto em temáticas que sejam do interesse do leitor.
  • Ao trabalhar o texto do dia, oriente-se por um tema central, que pode variar e ser diversificado na sequência e na abordagem, mantendo uma só linha de raciocínio do início ao fim, sem subtemas pouco desenvolvidos e sem conexão.
  • Use introduções criativas que façam referência à realidade do público a que se destina.
  • Busque ilustrações inéditas ou pouco exploradas em outras publicações, mantendo uma abordagem espiritual. A ilustração deve ser uma janela para o entendimento da temática bíblica apresentada.
  • Use a criatividade ao abordar os tópicos.
  • Escreva um texto leve, de fácil compreensão e inspirador.
  • Evite temas polêmicos ou negativos.
  • Nos casos do Devocional para Crianças e do Devocional Teen, proponha interações para fixar o aprendizado oferecido ou aprimorá-lo.
  • Cheque as informações, grafias de nomes e lugares, datas e os fatos.
  • Dê a referência com título do livro e página aos autores de frases e ideias. Evite ao máximo utilizar frases de autores desconhecidos.
  • Evite citações longas, de mais de cinco linhas, devido às limitações de espaço.
  • Termine a reflexão de cada dia com algo positivo, surpreendente, inspirador. O fechamento deve retomar o tema proposto e incentivar uma retomada de decisão do leitor.
  • Use continuidade (parte 1, parte 2) somente em casos excepcionais.
  • Escolha títulos criativos e condizentes com o texto apresentado no dia.
  • Considerando que os devocionais também são lidos em voz alta para grupos, cuide com a cacofonia e preze por um texto de simples compreensão.
  • Use quebra de página antes de cada nova data (sugestão: use Control+Enter).
  • Tamanho do texto (em caracteres com espaços):
    • Meditações diárias: entre 2.100 e 2.300.
    • Meditações da Mulher: entre 1.900 e 2.200.
    • Meditação Jovem: entre 1.900 e 2.200.
    • Devocional Teen: entre 1.500 e 1.800.
    • Devocional das Crianças: entre 900 e 1.050.
  • Versões bíblicas:
    • Meditações Diárias – Almeida Revista e Atualizada, 2ª edição.
    • Todas as outras – Nova Versão Internacional.

Áreas de interesse

Como editora da Igreja Adventista do Sétimo Dia, a CPB produz materiais de diferentes áreas, formatos, gêneros e públicos-alvo que anunciam a esperança na segunda vinda de Jesus a este planeta (Mateus 24:30, 31; Apocalipse 1:7). Em torno e além desse ponto mais específico, a CPB lança livros destinados a crianças, adolescentes, jovens e adultos e também publica materiais teológicos e acadêmicos mais amplos, assim como histórias, materiais de saúde, educação, família, etc., como se pode conferir abaixo:

Infantojuvenil:

Por faixa-etária:

  • Bebês (0 a 3 anos)
  • Infantil (4 a 8 anos)
  • Juvenil (9 a 11 anos)

Por temas:

  • História bíblica
  • Narrativa (conto, crônica, aventura, romance) associada a valores morais e religiosos
  • Valores
  • Ficção cristã
  • Biografias/temáticos
  • Natureza
  • Nutrição e saúde
  • Crenças
  • Atividades bíblicas
  • Aventureiros

Adolescente a adulto: A seguir, estão as categorias e subcategorias dos livros destinados a adolescentes e a adultos. Confira a seguir a lista completa:

  • Adolescentes
    • História bíblica
    • Narrativa
    • Valores
    • Ficção cristã
    • Biografias/temáticos
    • Natureza
    • Nutrição & Saúde
    • Crenças
    • Bíblias
    • Desbravadores
    • Devocionais
    • Livros
    • Relacionamentos
  • Bíblias
  • Ciência e religião
  • Colportagem
    • Filosofia
    • Livros motivacionais
    • Técnicas de vendas
  • Crenças
    • A Divindade
    • Anjos
    • Apologética
    • Criacionismo
    • Dons espirituais
    • Espírito Santo
    • Estado dos mortos
    • Eventos finais
    • Graça
    • Igreja
    • Jesus Cristo
    • Lei de Deus
    • Mordomia cristã
    • Profecia
    • Sábado
    • Salvação
    • Santuário
    • Segunda vinda
  • Culinária saudável
  • Devocionais
    • Devocional Infantil
    • Devocional Teen
    • Meditação Jovem
    • Meditação da Mulher
    • Meditações Diárias
  • Educação Adventista
  • Ellen G. White
  • Biografias de Ellen G. White
  • Estudos sobre Ellen G. White
  • Livros de Ellen G. White
    • Temas:
      • Administração
      • Anjos
      • Antigo Testamento
      • Assistência social
      • Autobiografia
      • Devocional
      • Educação adventista
      • Educação no lar
      • Família
      • Graça
      • História
      • História bíblica
      • Igreja
      • Jesus Cristo
        • Vida de Jesus
        • Ensinos de Jesus
      • Jovens
      • Liderança
      • Comunicação e ministério editorial
      • Ministério
      • Missão
      • Mordomia Cristã
      • Novo Testamento
      • Oração
      • Profecia
      • Psicologia
      • Colportagem
      • Reavivamento e reforma
      • Relacionamentos
      • Saúde
      • Série Conflito
      • Sexualidade
      • Terceira Idade
      • Vida cristã
      • Vida no campo
  • Estudo da Bíblia
    • Antigo Testamento
    • Novo Testamento
    • Arqueologia
    • Interpretação bíblica
  • Família
    • Educação no lar
    • Namoro
    • Noivado
    • Casamento
    • Paternidade
    • Maternidade
    • Morte e luto
    • Fases da vida
      • Infância
      • Adolescência
      • Juventude
      • Vida adulta
      • Terceira idade
  • História adventista
    • Igreja Adventista do Sétimo Dia
    • História geral
    • História adventista no Brasil
    • Movimento milerita
  • Histórias
    • Biografias
    • Ficção cristã
    • Missões
    • Narrativas bíblicas
  • Infantojuvenil
  • Jovens
  • Ministério
    • Liderança
    • Recursos
    • Sermões
  • Missão
    • Crescimento de igreja
    • Discipulado
      • Infantil
      • Jovem
      • Adulto
    • Dons espirituais
    • Evangelismo
      • Infantil
      • Jovem
      • Adulto
    • Estudos bíblicos
    • Livros missionários
    • Histórias de missionários
    • Teologia da missão/igreja
    • Pequenos grupos
      • Infantil
      • Jovem
      • Adulto
    • Plantação de igreja
  • Oração
  • Psicologia e aconselhamento
    • Ansiedade
    • Depressão
    • Estresse
    • Saúde emocional
    • Saúde mental
    • Sexualidade
  • Relacionamentos
  • Saúde e nutrição
    • Alcoolismo
    • Amamentação
    • Câncer
    • Culinária
    • Diabetes
    • Drogas
    • Doenças autoimunes
    • Doenças circulatórias e do coração
    • DSTs
    • Emagrecimento
    • Estética
    • Fitness
    • Fitorerapia
    • Insônia
    • Nutrição
    • Oito remédios naturais
    • Prevenção de doenças
    • Saúde feminina
    • Saúde infantil
    • Saúde masculina
    • Tabagismo
    • Vegetarianismo
  • Sermões
  • Sexualidade
  • Vida cristã
    • Crescimento espiritual
    • Finanças
    • Homem
    • Mulher
    • Liderança
    • Testemunho cristão
    • Vida devocional
    • Vida no campo

Departamentos da Igreja: Além de se encaixar em alguma das categorias gerais da CPB, algumas propostas podem servir para os departamentos oficiais da Igreja Adventista do Sétimo Dia. São eles:

  • AFAM
  • ASA
  • Associação Ministerial
  • Aventureiros
  • Comunicação
  • Desbravadores
  • Educação
  • Escola Sabatina
  • Espírito de Profecia
  • Evangelismo
  • Liberdade Religiosa
  • Ministério da Criança
  • Ministério da Família
  • Ministério da Mulher
  • Ministério da Música
  • Ministério de Surdos
  • Ministério do Adolescente
  • Ministério Jovem
  • Ministério Pessoal
  • Missão Global
  • Mordomia Cristã
  • Publicações
  • Saúde
  • Serviço Voluntário Adventista

Não publicamos

A CPB tem uma linha editorial que orienta a não publicar os seguintes materiais:

  • Livros que não estejam em harmonia com as Escrituras Sagradas.
  • Livros que não estejam no escopo de publicações da editora, o que abrange obras seculares e religiosas sem uma perspectiva adventista.
  • Livros redundantes, que se aproximem do que já é oferecido pela editora.
  • Livros polêmicos, ácidos ou voltados a criticar ou atacar indivíduos, bem como instituições religiosas, políticas, governamentais, comerciais, industriais, etc.
  • Material violento, negativo ou obscuro, ou que recomende a magia, o misticismo e o espiritualismo.
  • Quanto à ficção, embora a CPB tenha em seu catálogo alguns livros dessa linha, evita-se que envolvam palavras e ações de personagens bíblicos ou históricos não condizentes com a Bíblia ou com os registros históricos disponíveis.
  • Teses, dissertações e monografias. Recomendamos, caso seja possível, que materiais acadêmicos de interesse público geral sejam transformados em livros, com uma linguagem mais acessível ao público.
  • Livros de saúde não escritos ou referendados por médicos ou os especialistas relacionados.
  • Livros de receitas não escritos ou referendados por nutricionistas.
  • Livros que já tenham sido impressos em território brasileiro ou distribuídos em formato digital.
  • Livros especulativos, conspiratórios ou excêntricos, que carecem de fundamentação.
  • Livros com baixa qualidade: mal organizados, com falha na definição e delimitação do tema, no atendimento ao público-alvo e com graves problemas de harmonização.
  • Compilações particulares de Ellen G. White não autorizadas pelo White Estate (Patrimônio Literário Ellen G. White).
  • Material total ou parcialmente plagiado.
  • Poesia.
  • Biografias não autorizadas.

Plágio e dependência literária

Considerando-se que a CPB preza pela originalidade de suas publicações assim como pelas leis nacionais e internacionais de direito autoral e propriedade industrial, serão rejeitadas obras que contenham qualquer tipo de plágio. O mesmo se aplica à dependência literária, que se relaciona à originalidade da obra como um todo – se ela é um livro novo ou uma colcha de retalhos de citações e tópicos sem uma contribuição original. Existe uma área cinzenta entre plágio e dependência literária, especialmente quanto à cópia da estrutura ou da linha de raciocínio de uma obra. Recomenda-se aos escritores que estudem o assunto e se assegurem de que não incorram na apropriação intelectual, que, além de imoral e vergonhosa, tem graves implicações jurídicas. Assim, serão rejeitadas quaisquer obras que reflitam o mínimo tipo de dependência ou plágio, seja ele:

  • Total ou integral não referenciado.
  • Total ou integral referenciado, mas sem aspas.
  • Parcial, referenciado.
  • Estrutural ou conceitual.
  • Simulado ou parafrásico.
  • Autoplágio.
  • Uso de dados ou pesquisas sem fonte.

Critérios de avaliação

Todos os materiais inscritos para publicação pela CPB são avaliados de acordo com os seguintes critérios:

  • Temática e objetivo da obra.
  • Público-alvo.
  • Conteúdo em harmonia com a cosmovisão, crenças e práticas adventistas do sétimo dia.
  • Atualidade, relevância e benefícios práticos.
  • Consistência das informações e das fontes.
  • Originalidade.
  • Inovação.
  • Aspectos gramaticais, sintáticos, ortográficos, linguísticos e estilísticos.

Tamanho dos livros

A contribuição de um livro não pode ser medida por seu tamanho. Nem sempre um grande número de páginas redunda em profundidade, interesse e utilidade. Ainda mais considerando-se a vida agitada dos leitores, espera-se muita clareza e objetividade. Preço competitivo também é um dos fatores cruciais na hora da compra. Diante dessas razões, sugere-se que os livros tenham em seu formato final entre 112 e 288 páginas. Isso significa que deveriam ter um total entre 220 e 550 mil caracteres com espaços. Livros entre 112 e 144 páginas são mais acessíveis. Logicamente, a CPB publica livros maiores, mas estes requerem muito mais investimento e tempo para serem lançados.

Linguagem

Embora a CPB já tenha um manual de redação em uso e teste, não se exige que os manuscritos sejam enviados conforme todos padrões adotados pela editora. Porém, encorajamos os autores a seguir dicas e princípios simples que auxiliam muito na constituição de um bom texto, o qual tem mais chance de ser aprovado. Com isso, pode-se alcançar o maior número de pessoas possível. Basicamente, é preciso utilizar uma linguagem clara e acessível. Não deve ser uma linguagem rebuscada que sirva para mostrar erudição. O domínio do tema abordado é percebido na simplicidade com a qual o autor o explica. Uma linguagem clara se caracteriza pela aplicação dos seguintes recursos estilísticos:

  • Frases curtas.
  • Ordem direta (sujeito, predicado e objeto).
  • Concisão e coesão.
  • Vocabulário acessível: Evitar jargões e arcaísmos. Isso não implica no uso de um vocabulário pobre; ele pode ser rico, sem ser esnobe nem pomposo. Quando utilizar termos técnicos, sempre que possível, indique o significado no texto.
  • Orientação e intencionalidade na organização do fluxo de ideias entre as frases, os parágrafos, as seções e os capítulos.
  • Intertítulos para guiar a leitura.
  • Sempre que possível, use exemplos, ilustrações e outros recursos pedagógicos.

Reprovação da publicação

Caso o manuscrito não seja aprovado, o autor receberá uma notificação por e-mail via Portal nos dias subsequentes à Comissão Editorial. É possível e natural que o autor deseje saber o porquê de seu livro não ter sido aprovado. Contudo, diante do elevado volume de propostas recebidas de várias partes do mundo e em diversas línguas, a equipe editorial simplesmente não tem condição de devolver dezenas de justificativas detalhadas. Também nem sempre há condição de oferecer qualquer tipo de orientação para a reorganização, revisão, publicação ou recomendação para outras editoras. Sugerimos que o autor leia com atenção os critérios detalhados aqui, busque ajuda profissional, informe-se e proponha materiais que atendam aos requisitos básicos para a publicação de um livro.

Aprovação da publicação

Caso a obra seja aprovada para publicação pela Comissão Editorial da CPB, o autor receberá uma notificação por e-mail, mas a aprovação final ainda não estará assegurada. A obra deverá ser discutida na Comissão de Viabilidade, que analisa outros aspectos (materiais, custos, tiragem e preço final). Sendo aprovada na Comissão de Viabilidade, o Departamento Jurídico proporá um contrato que, entre outros aspectos, orienta sobre o pagamento dos direitos autorais, conforme os padrões predefinidos pela CPB. Assinado o contrato, a obra estará liberada para o processo editorial. Mais instruções sobre esse processo serão dadas via Portal do Autor.

De modo geral, todos os livros têm uma vida útil. Dependendo do interesse do público, podem continuar sendo publicados e atualizados, se necessário. É possível também que, considerando o baixo interesse no livro, seja preciso descontinuar sua publicação após alguns anos. Também é possível que, ressurgindo o interesse, ele seja republicado mais à frente.

Prazo de publicação

É fundamental compreender que todo o processo administrativo, editorial e gráfico em torno do livro pode levar mais tempo do que se espera. A preparação de livros em uma editora como a CPB, que lança dezenas de títulos por ano, envolve tanto aspectos protocolares e industriais, quanto um olhar mais humano, artesanal, e tudo isso toma tempo. Considere-se também que a editora oferece serviços diretamente para a Divisão Sul-Americana e a outras instâncias e instituições da organização Adventista do Sétimo Dia, que solicitam novos materiais ao longo do ano. Sendo assim, para os livros aprovados em Comissão Editorial consideramos um prazo médio de dois anos para a publicação.

Dúvidas e contato

Caso você deseje obter alguma informação além das que estão dispostas aqui, sinta-se livre para fazer uma consulta por meio do Portal do Autor.